segunda-feira, março 28, 2005

A roubalheira do costume

Eu sei que tive quatro dias de descanso, mas mesmo assim continuo irritado por me terem roubado uma hora!
Não podiam roubar no dia de semana, preferencialmente na hora laboral?
Está um gajo muito bem a ler na cama, olha para o relógio e já passaram 60 minutos - mas o que é isto, só desfolhei uma página e já estamos na hora seguinte!
Pensei - Devo ter adormecido, não posso ler assim tão devagar!
Com o adiantar da hora, deu-me o sono...
Para além de uma roubalheira estão-nos a fazer uma lavagem ao cérebro!
Gostava de saber quem são os cretinos que escolhem estas alturas para nos roubar o tempo. Devem ser os mesmos que nos mandam as facturas com prazo limite no dia 22 de cada mês!
Palhaços! Ide cortar a linha do equador!

1 comentário:

Dizeres Meus disse...

poizé,
o tempo não voa, o tempo é mas é roubado. ms olha lá, tu, como bom perguiças que és, até tens bastante tempo para ser roubado, né`? dá-me lá um pouco do teu que eu estou com falta dele ; )