segunda-feira, junho 20, 2005

Não falo russo!

Como já disse anteriormente, à noite eu gosto é de bares!
Qual a razão desta reafirmação? Parem de me convidar para ir à merda das casas de Strip!!!
Sim, gosto de vêr gajas boas! Não, não sou panilas!
Mas passar a noite toda a olhar para as russas, podres de boas...Jesus!
Primeiro, saio de lá extremamente frustrado; Segundo, ninguém conversa com ninguém, e não é só por causa da música aos altos berros. Parecemos que estamos todos hipnotizados a olhar para as gajas. Boca aberta, a salivar. Um brilho insano nos olhos do tipo: papava-te toda...se deixasses. Mãos convenientemente arrumadas em cima do material para não passar vergonhas.
Terceiro, é obscenamente caro...o consumo, claro!
Quarto, não podemos falar em português, e eu não sei falar russo!
Desde que estas casas abriram, tenho tentado não ir muitas vezes. E de facto fui poucas vezes. Digamos que fui cerca de 10 vezes. Em todas estas idas, só me diverti uma vez. E não foi por causa de nenhuma russa, mas sim devido ao espectáculo que um amigo meu deu enquanto lhe faziam uma Lap Dance. Era vê-lo a contorcer-se...foi hilariante! No fim mereceu uma salva de palmas de toda a gente. Já se chorava de tanto rir.
Se fosse sempre assim, mudava já do Tacão para o Avião.

Sem comentários: