segunda-feira, fevereiro 05, 2007

Devo ser estúpido

Eu confesso que devo ser estúpido.
Palavra que não compreendo a cultura moderna.
Tudo o que seja minimalista, ou neo-qualquer-coisa, ou ensaio de artes plásticas, ou uma peça de arte visual, auditiva e com odor, ou livros de poemas, com páginas A3, um A para cada verso, ou Free Jazz, ou Trash Metal, ou sessões de Dança Moderna, ou peças de Teatro sobre a vida secreta da prima em terceiro grau de um famoso autor, ou blogs avant garde sobre tudo isto.
Palavra que não compreendo a cultura moderna.
Já confessei, sou estúpido!

4 comentários:

Marciana disse...

estupido estupido tambem não

André disse...

Só um poucochinho então.

Patrícia Cardoso disse...

é que a inteligencia veio toda para o meu lado!!!

O Anarquista Duval disse...

Descansa...não és tu que és estúpido...estúpido é ir ver a exposição do Amadeo de Souza Cardozo e depois chegar ao carro e pôr o André Sardet a tocar!