segunda-feira, julho 09, 2007

Sal debaixo do tapete

Gostava de saber o que significa e quem raio é que me obrigou a quebrar a minha rotina de só limpar debaixo do tapete de mês a mês.
Ouvi dizer que é feitiçaria - o que me é completamente indiferente. Este pessoal devia escolher melhor as "almas" ingénuas a quem desejam mal.
Mas ainda bem que me escolheram a mim que sou completamente impermeável a estas merdas, agora só tenho que descobrir quem foi (tenho as minhas suspeitas) e vou provocar-lhe(s) o maior susto que já apanharam: só preciso de arranjar uma galinha morta com penas, giz, velas e um saquinho com merdas tipo cabelos, unhas, etc.
Apesar de não acreditar nestas coisas, já me tenho divertido com pacóvios que acreditam. Já chegaram ao cúmulo de dizerem que eu tinha poderes só porque organizei uma sessão espírita numa casa com madeiras velhas que rangiam.
Não é a merda da feitiçaria que me irrita, é a intenção e a atitude cobarde.

3 comentários:

Anónimo disse...

Caro André,

Aqui vão algumas explicações sobre o SAL.

Usado no batismo da Igreja Católica, com aplicação universal para afastar os malefícios sobre a criança. Um dos feitiços que se possa fazer para maltratar uma pessoa é misturar sal com areia na pegada de uma criatura tendo, no meio, uma unha, um cabelo e um pedaço de roupa íntima. O contra feitiço é diluir o sal na água do mar. Pôr sal à porta de uma rival, obriga-a a deixar o namorado. Derramar sal na mesa é agouro. A sabedoria popular diz que para se conhecer um amigo, a pessoa tem que comer sal com ele, isto é, conviver algum tempo. O sal era a moeda circulante entre alguns povos antigos e dizem até que entre os indígenas brasileiros. Por isso a palavra salário é derivada de sal.

Ajudou?

Nocas

Anónimo disse...

Esqueci-me desta...

Sal é usado como barreira. Jogado ao redor de portas e janelas, ele pode prevenir que um espirito ou demônio de entrar no quarto.

É bastante mais simpática!!!

Nocas

André disse...

Eu já varri o sal, por isso agora já lá devem estar todos os espíritos outra vez em casa. Espero que pelo menos um seja uma miúda gira e que não esteja em decomposição.