quarta-feira, novembro 30, 2005

Traição no confessionário

Quando falamos com alguém, amigo, sobre determinada pessoa, que só nós conhecemos, em jeito de corta-casaca, fazemos-o porque: primeiro, confiamos nessa pessoa; segundo, numa atitude de tentar aliviar o sentimento de revolta.
Claro que esperamos que essa pessoa respeite o nosso desabafo e não vá: primeiro, abrir-se todo com o visado; segundo, falar mal do visado, sem mais nem menos, a nós.
O facto de alguém "confessar", a nós, os seus sentimentos de revolta para com outrém, não nos dá o direito de, a partir desse momento, começarmos a falar mal desse outrém a quem se confessou. Esta regra, claro, só se aplica se o outrém só for conhecido da pessoa que se queixa dele.
Faz parte da boa educação agir deste modo, e quem assim não age não foi bem educado.

5 comentários:

Dizeres Meus disse...

É pá isto aqui anda muita calmo.
A escarreta anónima não aparece por aqui.
Acho que daqui a uns 3453 anos vou ter saudades dela.

Dizeres Meus disse...

já agora,
este post é destinado a moi?
achas que eu conheço a ameba?

André disse...

Não! Andas com a mania da perseguição...
Como eu agoro modero os comentários, ou seja filtro os comments, não dou hipótese à ameba de responder. Ela anda toda torcidinha de raiva.

mattahary disse...

Ideias e sugestões, precisam-se!
Bem, estava eu aqui sossegadinha sem nada para fazer, quando de repente baixou em mim uma ideia que pode (ou não) ser interessante...
Sou uma mulher que adora uma boa farra e tem a mania de se pôr a inventar e a organizar festas...
Eis se não quando me lembrei que podiamos (nós as Viperinas) pensar em organizar uma FESTINHA DE CARNAVAL para a blogosfera...
Em Lisboa, num sítio a determinar.
Seria uma Festa de Carnaval, com uso de máscara obrigatória e manutenção do nick blogosférico para entrar e confirmar a presença. Uma vez dentro da festa ficaria ao critério de cada um a manutenção, ou não, da identidade da personagem criada para o blog.
Como não poderia deixar de ser, haveria uma lista variada de DJ's (que abranja todos os géneros musicais dançáveis), e o mote seria a convivência e interconhecimento entre os membros blogosféricos...
Uma noite diferente com o único intuíto de nos divertirmos...

Aceitam-se e agradecem-se sugestões...
bocasviperinas@sapo.pt

Dizeres Meus disse...

hahahahahaha

Gostava de ver a cara dela.
Sobretudo ao ler estes comentários
hehehehehehe