quarta-feira, novembro 02, 2005

Adeus Deus!




















Os religiosos têm a mania de dizer que se devem respeitar as crenças alheias. Eu não concordo. E com isto não quero dizer que não respeito as pessoas, apenas as suas ideias é que eu não respeito.
Tolerar as pessoas com diferentes ideias não é igual a aceitar as suas ideias. Tolero-as (as pessoas) mas não aceito as suas ideias.
E mais, tenho todo o direito de fazer humor (corrosivo ou não) das suas ideias. Se levarem a mal, tanto pior, não leiam.
Se fosse dado poder de governo à Igreja, sem dúvida estaríamos a viver num estado fascista a beirar o totalitarismo.
A única coisa que me alegra é que a tendência é a extinção de todas as religiões. Já se nota aqui e ali, as chamas divinas apagam-se lentamente. Adeus Deus!

3 comentários:

O não anónimo disse...

É só para informar que este texto está sem erros. Um raridade.

André Cardoso disse...

Obrigado na mesma.

O não anónimo disse...

Vês, a delicadeza só te fica bem. Revela como que o teu lado feminino «que é o maior».