quinta-feira, novembro 23, 2006

Os comedores de ideias

Se há coisa que eu gosto é de ter ideias e de desenvolvê-las.
Se há coisa que detesto, são as pessoas que esperam pelas ideias (são sempre as mesmas) para tentar deitá-las abaixo.
Claro que uma boa discussão acerca da "ideia" é sempre positivo, desde que daí saia uma melhor ideia. Infelizmente as discussões com quem gosta de massacrar ideias são normalmente frustrantes.
Enquanto eu tento explicar a potencial complexidade da minha ideia, o meu antagonista tenta simplificá-la até esta se tornar apenas uma lâmpada fundida.
Eu não me dou por vencido, e as minha ideias, estrambólicas ou não, nunca me saiem da cabeça. Volto sempre a tentar implementá-las mais tarde, isto até ter sucesso.
Já o trabalho para pôr a ideia em prática não me agrada tanto.

Não! Trabalho não! Trabalho não! A minha especialidade são as ideias.
(Citação traduzida e livremente adaptada de Oskar Schindler, de Schindler's List)